sexta-feira, 11 de maio de 2012

O que eu realmente gostaria de ganhar no Dia das Mães



Por toda a minha vida eu quis ser mãe, eu quis ser mãe do Pedro, eu quis ser mãe da Natália. Por toda a minha vida, eu soube que eu amaria essa vida de mãe. Por toda a minha vida, por mais que eu imaginasse e sonhasse, nem nos melhores sonhos eu tinha como saber que seria tão maravilhoso. Nem nos dias que a brincadeira estava mais divertida e empolgante, nunca eu pude imaginar o que seria. Por toda a minha vida, nunca, nada se igualará a esse prazer, a essa aventura que é ser mãe.

Sempre soube que eu nasci para ser mãe, apesar de sempre ter um pavor desse sonho não se realizar. Brincava de casinha, ninava minhas bonecas... quando nasceu meu irmão mais novo, eu tinha 6 anos, lembro como se fosse hoje que eu convenci minha mãe a me dar uma roupinha dele para eu vestir uma boneca (tá, não lembro se foi difícil convencê-la, mas eu lembro de querer e ela escolher o mais batido e me dar)... lembro de trocar a fralda da boneca, de aprender a dobrar a fralda de pano igual minha mãe fazia com meu irmão... lembro perfeitamente disso tudo... tenho essa boneca até hoje.  E a roupinha também!

Depois minha experiência como mãe tornou-se mais profissional, quando, aos 20 anos, meus pais adotaram minha irmã. Aí eu tive um treinamento intensivo de como seria trocar fraldas, dar de comer, dar mamadeira, dar banho... eu aprendi a fazer tudo isso, da melhor maneira possível, na prática... sempre me considerei um pouco (ou muito!!) irmãe!! 


Esse instinto, esse desejo, sempre estiveram presentes em mim. O dia mais longo da minha vida, sem exagero, foi o dia que eu fiz o BHCG, depois do teste de farmácia ter dado positivo. Olhava no relógio, trabalhava "horas", quando olhava de novo, haviam se passado CINCO MINUTOS!!! E foi assim o dia todo. Chegava o Natal, mas não chegava 17h... tenso.

Fui mãe... realizei meu maior sonho... realizei as duas vezes que eu quis... minhas duas gestações foram planejadas, desejadas, amadas. Um casal... não tinha como ser melhor... nunca nos meus melhores sonhos, daqueles que a gente não quer acordar, que a gente jura que é real, nunca pensei que caberia tanto amor no meu coração. Nunca pensei que eu pudesse ser tão feliz... 

Então, neste que é meu 6º dia das mães como mãe, meu único desejo, o que eu realmente quero de dia das mães, é nunca acordar dessa realidade que é ser mãe... com todas as suas dificuldades, com todas as perguntas sem respostas, com toda insegurança, com tudo o mais que está implícito... não troco por nenhum presente material no mundo. NUNCA!! Ser mãe já o melhor presente. 

Só quero ser mãe para sempre... caminhar cada novo trajeto por onde a vida nos levar, passar de fase, chegar lá... compartilhar das vitórias de vida deles, comemorar, amparar, estar sempre aqui, com meus ombros largos, prontos para dar todo o conforto que eles precisarem, que eles quiserem. E um dia poder dizer: missão cumprida.


14 comentários:

  1. Seu blog sempre tem posts emocionantes!
    Feliz dia das mães!!!!
    Grande beijo.
    http://crisgms.blogspot.com.br
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  2. Menina que texto emocionante! Tb sonhei em ser mãe desde sempre, to super mega feliz de estar comemorando meu primeiro Dias da Mães, as vezes nem acredito rs!
    Bjão!
    Ah! Me lembrou tb a ansiedade que vivi no dia do meu BHCG rs!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  3. Chorei.
    Lindo post.
    Feliz dia das mães.

    ResponderExcluir
  4. Eu adorei seu post inteiro. Mas seu último parágrafo foi emocionante... lindo demais!!

    Beijos
    Tati
    Mulher e Mãe
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  5. Adoreiiiiii,ser mãe,nada mais que isso,ser Mãe.
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  6. Que bonito Ninon, e minha história parece muito com a tua, sempre desejei ser mãe.
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  7. Parabéns filha...muito verdadeiro... muito emocionante... fico imensamente feliz, sabendo que você se sente feliz e realizada, com a decisão de assumir este importante, e incomparável papel..."Ser Mãe", somos premiadas por Deus.
    Passe o tempo que passar... os filhos crescem, envelhecem, e nós nunca sentimos que nossa missão está cumprida, para nós continuam "as crianças" sempre!!! Amo vocês, minhas crianças!!!

    ResponderExcluir
  8. Ô, querida, obrigada pelo carinho, e eu acho que eu quero só mais um cadim de tudo que pedi!!
    O presente que vc pediu já ganhou, pois uma vez mãe, sempre mãe!!!
    Feliz dia das mães, querida!!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  9. Ser mãe realmente é o melhor presente!
    Ah, q post lindo...
    A foto tbm, com o que diz nela, amei.

    Beijos, feliz dia das mães!
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  10. Ninon, você disse tudo. Nunca acordar desse sonho... Sei o que vc quer dizer! É tão bom que dá medo, né!!!! =) Eu sou mãe novata e de um por enquanto. O Luquinha tem cinco meses. Mas já sinto tudo isso que vc disse e sei que esse sentimento cresce a cada dia!!! É muito bom ter tido a chance de experimentar tudo isso!!! Feliz dia das mães para vc!!!!

    ResponderExcluir
  11. Eu amei seu post!! Tão cheio de verdade e emoção!!
    Lindo demais ler sua história e sentir o quanto ser mãe é importante pra você!
    Espero que seus desejos de mãe se realizem.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  12. Oi Ninom, um lindo desejo e muito emocionante.
    Espero que o seu dia das mães tenha sido maravilhoso.
    beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Vc tem razão... ser mãe é melhor do que eu pude imaginar!

    ResponderExcluir
  14. Ninon.
    Que tua família tenha cada vez mais e mais luz e muita saúde e paz.
    Bjs

    Fabi (Mulher e Mãe)
    #amigacomenta

    ResponderExcluir